Vegetais Low-carb – Aprenda sobre eles

Vegetais Low-carb – Quais devo comer e quais devo evitar

Quando iniciamos uma alimentação low-carb entendemos que é preciso aprender sobre a quantidade de carboidratos líquidos que cada alimento contém, por isso neste poste vou dar uma ideia de como escolher os melhores vegetais que irão potencializar sua queima de gordura e para muitos deles você não precisa ficar medindo quantidades!

No post “Por que evitar os carboidratos” aprendemos que para quem quer emagrecer o ideal é evitar os alimentos que contenham mais do que 5g de carboidratos líquidos (carboidratos menos as fibras), 5g é apenas uma margem de segurança para quem deseja perder peso, mas cada um deve testar e descobrir qual a sua tolerância.

Vegetais Low-carb, quais comer e quais evitar em uma alimentação Low Carb?
Veja alguns valores e faça as melhores escolhas na hora de preparar seu prato.

Texto original do site Diet Doctor . Tradução Adriana Araújo

Para saber quais vegetais low-carb são bons, tem uma regra muito simples:

– Hortaliças que crescem acima do solo tem baixo carboidrato e podem ser comidas livremente.
– Hortaliças cultivadas abaixo do solo contêm mais carboidratos, então você deve ter mais cuidado com elas (especialmente as batatas).

Como qualquer regra não é perfeita, dê uma olhada nas figuras abaixo.

Vegetais que crescem acima do solo

Vegetais que crescem abaixo do solo

 

Todos os números são as percentagens dos hidratos de carbono (carboidratos) digeríveis (fibras não contam). Isto significa que em cem gramas – o peso de um tomate médio – de qualquer vegetal conterá esse número de gramas de carboidratos.

Por exemplo: um tomate médio tem cerca de 3 gramas de carboidratos. Uma cabeça inteira de couve-flor pesa muito mais, talvez dez vezes mais, e pode assim, conter cerca de dez vezes 4 gramas, isto é, 40 gramas de carboidratos.

Observe a diferença clara entre os vegetais que nascem acima do solo acima e abaixo do solo.

Vegetais com menos do que cinco por cento podem ser consumidos de forma relativamente livre. Se você estiver em uma dieta baixa em carboidratos não muito rigorosa (mais de 20 gramas por dia), provavelmente você poderá comer tudo o que quiser destes vegetais.

Vegetais devem ser a base de um alimentação low-carb! Devem constituir 70% de todas as suas refeições! Devem ser variados e encontre um jeito de fazê-los divinamente! – Não há restrição alguma quanto aos vegetais, se você treina mais ou está em ganho de massa magra, capriche nas raízes (batata doce, mandioca, mandioquinha, inhame, etc…), se está em emagrecimento, pode pegar mais leve nelas ou até mesmo evitá-las durante o processo (quantidades são INDIVIDUAIS), mas não há a necessidade de restringir nenhuma!

Quando iniciei a low-carb para emagrecer e controlar meu diabetes segui uma regra bem simples, metade do prato proteína metade vegetais variados que nasciam acima do solo, sendo assim eu nunca precisei ficar pesando ou medindo nada, hoje em dia mantenho o meu peso sem transtorno, como todo tipo de vegetal inclusive raízes no entanto procuro não abusar deles.

Sempre indico o aplicativo FatSecrets para quem tem dúvidas das quantidades de carboidratos nos alimentos, baixe no celular ou no computador e pesquise sempre que você precisar, também leia os rótulos dos alimentos e fique de olho na quantidade de carbos descrita nas tabelas nutricionais, tente evitar os alimentos que contenham mais que 5g de carboidratos.

Confira também:

Guia visual low-carb – pratos do meu dia-a-dia

Os 13 alimentos que vão potencializar seu emagrecimento

Guia para iniciantes da dieta low-carb

Por hoje é só, espero ter ajudado e se você tem qualquer dúvida é só deixar aqui nos comentários que terei prazer em ajudá-los!

Com amor,

Adriana Araújo – Coach de Emagrecimento

 

 

Adriana Araújo, 41, coach de emagrecimento e estudante de nutrição, mineira de Uberaba, adepta do Low Carb desde 2014. Curiosa por nutrição, saúde e gastronomia. Emagreci 35kg sem sofrer e sem passar fome! Aqui você vai encontrar dicas e relatos sobre minha rotina na dieta low carb, receitas e muito mais. Seja bem vindo!

Deixe um comentário